Com aumento perigoso do Covid-19, o Sindiserviços-DF orienta a categoria e as crianças a usarem máscaras nos locais fechados e de aglomeração

postado em: Notícias | 0

 

                                                                                                                                                                                                                              Por Imprensa Sindiserviços-DF – Robson Oliveira Silva

O Distrito Federal (DF) registrou nessa segunda-feira (07/06) o aumento expressivo de 6,6 mil casos de contaminação pelo vírus do covid-19 em adultos e crianças. Em relação a segunda-feira (30/05) passado que foram registrados 2,3 mil casos.

Com aumento expressivo de contaminados, estão sendo registradas longas filas para testagens e internações nas enfermarias dos hospitais e postos de saúde da rede pública do DF.

A direção do Sindiserviços-DF, sindicato que representa as trabalhadoras e os trabalhadores terceirizados no DF, orienta a categoria a seguir as determinações da Câmara Técnica de Diretrizes e Orientações para o Manejo da COVID-19, que determina o uso de máscaras protetivas nos locais com maiores aglomerações.

O Sindiserviços-DF também alerta a categoria sobre a obrigatoriedade da utilização das máscaras protetivas pelas crianças, que devem ter cuidados especiais no combate ao Covid-19.

Somente nas cinco primeiras semanas de 2022, o DF registrou 125 crianças de zero a onze anos de idade internadas por conta do covid-19.

O que amplia nossa responsabilidade no uso e proteção das crianças com máscaras faciais cobrindo o nariz e a boca, especialmente nos locais fechados e com aglomeração de pessoas.

 

Gravidade

Para se ter uma ideia da gravidade, a Câmara Técnica classificou o atual período no Distrito Federal como sendo de alto risco, tendo reflexos consideráveis no aumento da taxa de ocupação de leitos de UTI (56,98%), no aumento na taxa de ocupação de leitos de enfermaria para covid-19 (110,71%) e o aumento na variação do número de casos de covid-19 nos últimos 14 dias (192%).

Conforme apurado pelo Correio Braziliense, a média móvel de infecções está em 490, o que representa um aumento de 143% em relação a 14 dias atrás.

A média móvel de óbitos está em três — isso representa um aumento de 66%, na comparação com o cálculo de também 14 dias atrás.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), quando a taxa está acima de 1, a pandemia está descontrolada. Desta forma, o número confirma que um grupo de 100 pessoas podem infectar outras 130.

SINDISERVIÇOS-DF – Unidas e Unidos Somos Fortes!!!

https://www.facebook.com/SindiservicosDf/

https://www.facebook.com/Sindicato-dos-Trabalhadores-Terceirizados-Sindiservi%C3%A7os-DF-100602282684702

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

1 + 3 =