Greve na limpeza da rede pública de saúde por falta de salários

| 0

 

Por Imprensa Sindiserviços-DF

Para reivindicar pagamento imediato dos salários e tíquete alimentação, os trabalhadores terceirizados na limpeza e conservação em várias unidades da rede pública de saúde no Distrito Federal (DF), empregados da Empresa Ipanema Serviços Gerais, entraram em greve geral a partir da manhã desta quinta-feira (12).

Amanhã, sexta-feira (13), os empregados da Empresa Apecê Serviços Gerais, prestadores de serviços também na limpeza e conservação de várias outras unidades vinculadas à Secretaria de Estado da Saúde (SES/DF), deverão ampliar o movimento paredista que reivindica o pagamento imediato dos vencimentos dos profissionais e que já deveria ter sido pagos desde o último dia 6 de março, 5º dia útil do mês, conforme determina a Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) do Sindiserviços-DF, sindicato que representa a categoria.

Em várias unidades da rede pública de saúde, como os hospitais de regionais Ceilândia, Brazlândia, Samambaia e o Hospital Materno Infantil de Brasília (Hmib), os terceirizados já aderiam ao movimento paredista e decidiram que só retornarão para os postos de trabalho quando receberem os vencimentos.

A direção do Sindiserviços-DF ressalta que tem cobrado uma solução imediata das empresas, porém não tem conseguido nenhum posicionamento objetivo.

Os sindicalistas informaram, ainda, que as empresas Ipanema e Apecê, juntamente com a Secretaria de Saúde do DF, foram notificadas documentalmente sobre a greve e aguardam uma solução imediata.

Sindiserviços-DF – Unidos Somos Fortes!!!

https://www.facebook.com/SindiservicosDf/posts/1408430155985728

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × quatro =